>>>>>CLIQUE ABAIXO E ACHE A NOTÍCIA MAIS RECENTE >>>>>

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

SERPENTE - NOVO SIGNO - VÁRIAS MATÉRIAS SOBRE O ASSUNTO

  VÁRIA MATÉRIAS SOBRE O
                  ASSUNTO                


 ATENÇÃO! VOCÊ PODE SER DE SERPENTE, O NOVO SIGNO DO  ZODÍACO

Posted by @guilagrotta  

E assim, do nada, surge um novo signo do Zodíaco. Como? Vou tentar te explicar!
Há algum tempo que nossos horóscopos não andam lá muito bem das pernas, tudo isso porque basicamente as estrelas não estão alinhadas da forma que os astrólogos acham. Olha que legal, tudo que você leu hoje de manhã no jornal, não serve pra você!
Nossos signos do zodíaco –  Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes – são determinados por um conjunto de estrelas (constelação) alinhadas com o Sol no dia em que nascemos. Só que a Terra tem um certo balanço, conhecido pelos cientistas e astrônomos como pre-ces-são.
Precessão é um fenômeno físico que consiste na mudança do eixo de rotação de um objeto.
Tudo isso quer dizer que durante os últimos 2500 anos, desde que os signos foram “criados”, seu signo se moveu, aproximadamente, um mês em relação ao sol e as estrelas. Por isso, você não é do signo que você acha que é! Hahahahahahahaha…
É que com esse movimento todo, desde então há um novo signo no céu – Ophiuchus (ou Serpente) – que vem depois de escorpião. A constelação já existia antes, mas agora ela está “aparecendo mais”:
Embora já fosse conhecida na Antiguidade, quando se formularam as regras da Astrologia, [Ophiuchus] não é admitida no zodíaco porque há 3 mil anos estava longe do plano de órbita da Terra ao redor do Sol.
Então se você nasceu entre 29 de novembro e 17 de dezembro, seu signo é moderno e “novinho” em folha. Confira a nova lista de acordo com o astrônomo Parke Kunkle [o cara que defende essa história toda!]
  • Áries – 19/4 a 13/5
  • Touro – 14/5 a 20/6
  • Gêmeos – 21/6 a 20/7
  • Câncer – 21/7 a 10/8
  • Leão – 11/8 a 15/9
  • Virgem – 16/9 a 30/10
  • Libra – 31/10 a 22/11
  • Escorpião – 23/11 a 29/11
  • Serpente – 30/11 a 17/12
  • Sagitário – 18/12 a 19/1
  • Capricórnio – 20/1 a 15/2
  • Aquário – 16/2 a 11/3
  • Peixes – 12/3 a 18/4
(extraído do blog: http://ficaquietinho.wordpress.com/2011/01/13/atencao-voce-pode-ser-de-serpente-o-novo-signo-do-zodiaco/) 


-------------------------------------------------------------------------


Outra matéria:


( matéria extraída do blog: http://aetvaudienciadatv.wordpress.com/2011/01/15/serpentario-o-novo-signo-do-zodiaco/) 



Serpentário: o novo Signo do Zodíaco



Você sabe qual é seu signo? Tem certeza? Há dois dias essa dúvida ronda a cabeça de milhares de pessoas que nasceram e cresceram achando que pertenciam a um grupo do zodíaco e, como em um passe de mágica, passaram a se encaixar em outro. Tudo isso por causa da descoberta do 13º signo do zodíaco, denominado de serpentário.

A descoberta foi feita por astrônomos do planetário de Minnesota, nos Estados Unidos. Os descobridores afirmaram que por causa da atração gravitacional que a lua exerce sobre a Terra o alinhamento das estrelas foi empurrado por cerca de um mês, o que ocasionou no aparecimento do signo serpentário.

Os serpentários são os nascidos de 29 de novembro a 17 de dezembro. No tradicional horóscopo, quando só existiam 12 signos, os nascidos nesse período eram os sagitarianos. As características dos serpentários ainda não foram definidas.

Para o astrólogo José Armada, o surgimento do signo serpentário não é de agora. Segundo ele, este signo já existe há mais de 100 anos e nunca foi incluído no horóscopo por uma convenção. “Existem 12 meses, 12 horas, e por comodidade existiam apenas 12 signos”.

Armada ainda afirma que essa mudança não deve alterar em nada na interpretação dos mapas astrais, pois eles são formados a partir da posição do sol no céu. Em relação ao novo signo valer apenas para os que nasceram após 2009, o astrólogo diz que isso também não é real. “As pessoas mais impressionadas vão acreditar que a inclusão do serpentário vai influenciar”.

Essa mesma teoria é defendida pelo astrônomo Luiz Crispino. Ele explica que as estrelas que se agruparam em constelações sempre estiveram no mesmo local há muitos anos e não há nenhum surgimento inédito.

Para Crispino, o signo serpentário, fisicamente, não muda nada. “O ser humano é muito místico e por isso pode ser influenciado psicologicamente, mas os astros e as estrelas não têm qualquer influência física na vida”, garante.

MUDANÇA
Mesmo sendo polêmica a tese sobre o novo signo, o casal César Brito e Ana Clara Barile já entrou no clima do novo zodíaco e até brinca com a situação. “Agora não somos mais de gêmeos, na verdade somos de touro. Acho que na verdade a única coisa que mudou é o desenho do signo”, comentou o estudante César.

Ele ainda disse que essa mudança não vai influenciar em nada por agora. “Essa mudança só vai valer realmente para os meus netos e bisnetos”. A administradora Soraia Moura, 33 anos, também acredita que essa “novidade” não vai mudar em nada a vida de ninguém.

“As pessoas vão acabar seguindo mesmo o horóscopo tradicional, pois as características do zodíaco de cada um já estão incorporada nas características das pessoas”. (Diário do Pará).

=====================================

OUTRA MATÉRIA:

( matéria extraída do blog: http://stelium.blogspot.com/2011/01/sobre-o-novo-signo.html)


Sobre o novo signo .....Serpentário

Leia na íntegra para maior esclarecimento sobre o assunto.





Para o grupo de astrônomos americanos que resolveu bagunçar o zodíaco, a astrologia já nasceu com problemas. Quando os signos foram decididos na Antiga Babilônia, apenas 12 das 13 constelações foram levadas em conta, ignorando Serpentário e assim o 13º signo.
Ainda não há como saber quais seriam as características desse “novo” signo, só que o seu símbolo seria uma cobra. Na falta de uma definição, que tal tomar como referência um lugar tão antigo quanto a Babilônia?
No horóscopo chinês há o signo serpente, que tem como característica principal a reflexão. Os nativos deste signo são pensadores profundos, tendem para as perseguições intelectuais e filosóficas e têm reputação de sabedoria. Determinados, odeiam falhar seja no que for e devem aprender a ser humildes.
Fonte : Extra
Astrônomo defende criação de novo signo, mas astrólogos desmentem

POR JOÃO FERNANDO
Rio - A possibilidade de um 13º signo ser incorporado ao zodíaco causou polêmica entre astrônomos e astrólogos esta semana. Se ele fosse incluído no zodíaco, parte da população teria seus signos e mapas astrais alterados.

A confusão começou na quinta-feira, quando o astrônomo norte-americano Parke Kunkle declarou à rede de TV NBC que mudanças no alinhamento da Terra em relação ao Sol desde a época dos primeiros estudos astrológicos, feitos há mais de 3 mil anos, poderiam alterar a ordem dos períodos em que cada signo começa. Além disso, o cientista sugeriu que a constelação de ophiuchus, por onde o astro rei costuma passar entre 30 de novembro e 17 de dezembro, fosse incluída na lista do zodíaco, sob o nome de serpentário.

O astrônomo Luís Guilherme Haun, do Planetário da Gávea, explica que não houve nenhuma mudança no alinhamento da Terra e que a constelação de ophiuchus pode ter sido confundida com a casa seguinte, escorpião. “Cada constelação tem um tamanho diferente e a de escorpião é pequena, bem estreita”, avalia. Sem acreditar em astrologia, ele diz que o sol fica mais tempo em ophiuchus do que em escorpião, mas que a alteração obrigaria os astrólogos, que dividem os 360° da linha percorrida pelo astro, refazerem os estudos.

A astróloga de O DIA Mônica Horta garante que ophiuchus não influencia as casas do zodíaco. “As constelações são só pontos de referência. A astrologia se preocupa com a qualidade do tempo e se baseia nas estações do ano”, conta.
Fonte : O Dia

A vida em relação ao Cosmos: o sinal do zodíaco 13 & a diferença entre a Astrologia Ocidental e Oriental

A internet está repleta de pessoas que se preocupar com sinal de que estão, vários artigos, como um presente enviado a mim por um amigo de facebook, Jode (obrigado x), apresenta atualmente um velho argumento de idade, aquele que aparece de tempos em tempos, e é o resultado de malcomprehension de diferentes sistemas astrológicos, assim como alguém (um jornalista mainstream e seu editor ou ela) não ser capaz de tomar em consideração como há muitos caminhos para o cósmico mesmo entendimento do eu em relação ao cosmo. Há também muitos tipos diferentes de pessoas no planeta Terra, assim temos diferentes escolas de astrologia: Tropical Ocidental, Oriental Védica, chinês (sinais Animal baseado no movimento de Júpiter), helenístico Astrologia, Astrologia siameses, muçulmanos Astrologia, astrologia tibetana etc (muito mais). E, à sua maneira, cada uma dessas disciplinas é válido.

Assim, em resposta a esta reafirmação recentes que você não é o sinal de que você pensa que está (quando você está!), E que há um sinal do zodíaco 13, peço que me agüentar, especialmente se você é novo para a astrologia , pois há muita informação aqui para quebrar a cabeça ao redor - especialmente se você estiver indo para assumir um desmistificador em um jantar!

Primeiramente, o mais importante é saber que o nosso sistema astrológico ocidental é baseada no tempo sobre as estações , o que significa que, o Equinócio da Primavera, colocamos 0 graus de Áries como ponto de partida do nosso Zodíaco. Isso é chamado de "O Zodíaco Tropical 'e mais que todos no mundo ocidental usa isso (porque ele trabalha para nós!). E, além disso, e aqui vou deixar você em um segredo, o mais importante Mandala Tibetana para a Paz Mundial, a mandala de Kalachakra (kala = TIME, CHAKRA = RODA) é na verdade baseada neste sistema de sazonal para Sol, Lua e Terra. Então, do meu ponto de vista tibetano, este zodíaco tropical tem maior relevância.

O outro sistema astrológico é Oriental Védica, baseados no espaço, olhando para as constelações , e é também chamado de "Sideral" ou Joytish. Eu não tenho certeza se a astrologia Joytish sempre ajustado para um fenômeno, que acontece devido à giroscópico de roation Terra, chamado de "precessão dos equinócios. Lembro-me vagamente de ler foi no 17thC que a Astrologia Védica ligado a primavera subindo sinal para as constelações, mas eu não tenho sido capaz de encontrar qualquer coisa sobre a superfície do google para verificar (assim talvez alguém possa ser capaz de lá?). No entanto, a Terra movment em relação aos equinócios precessão leva um pouco de estudo, já que envolve um ciclo de 26.000 anos, e é por pessoa Sun um e sinais planeta se mover para trás, a partir de Astrologia Ocidental ao Leste da astrologia (ou seja, de Áries a Peixes), devido ao sinal vindo sobre o horizonte oriental no equinócio da Primavera sendo 7ish Pisces; mas nós, no Ocidente, porque o nosso zodíaco é sazonal dizemos é de 0 grau de Áries. A diferença entre estes graus é chamado de ' ayanamsa; o ayanamsa é a colocação da constelação de aproximadamente 23 graus fora de sincronia com o sinal. Houve um tempo quando sideral e tropical, astronomia e astrologia, todos alinhados, dois mil anos atrás ish. Este ciclo maior, cerca de 26 mil anos (que vai sempre para trás) é chamado de "O Grande Ano", com fases de aproximadamente 2000 anos para cada um dos sinais que marcam a passagem do Sol nascente é no equinócio da primavera. O signo de Peixes, Peixes, coincidiu com o nascimento de Jesus, assim, o sinal do Peixe proliferaram como um símbolo do cristianismo, dando o tom de um sinal coletivo que sobe ao Equinócio da Primavera para os próximos dois mil anos.

A precessão dos equinócios é um assunto enorme, uma que envolve também os eclipses. Então, se você ainda está comigo, então bem feito!


Vamos seguir em frente e olhar agora para Ophiuchus: uma constelação entre Escorpião e Sagitário. Só para registro: Nós nunca perdemos o sinal 13 de Ophiuchus! Nós sempre soubemos sobre ele (e outros), mas nós (os gregos), optou por não incluí-lo em nosso equador celeste.Existem vários mitos em torno Ophiuchus, que prende a serpente (kundalini?). Meu favorito é associada à vibração de cura de Asclépio, que ensinou tanto Chiron e Hippocratese, sendo este último o pai da medicina moderna que o juramento de Hipócrates. Astronomcially falando, Ophiuchus acontece apenas colocar o pé no meio Scorp e SAG, enquanto a cauda da sua toca também cobra da eclíptica. A eclíptica é uma banda de 8 graus no céu, o cinturão celestial da qual medimos o tempo, as nossas estações, bem como a passagem do Sol, da Lua e dos planetas. Este cinto é nitidamente dividido em 12, e enquanto nós dizemos que eles são de 30 graus cada = 360 de um círculo, alguns sinais são menores ou maiores do que outros, mas ainda medidas como 30 graus. Este sistema baseado no tempo é simbolicamente 'ideal' cheios de mitos e significação, em oposição a exata medida cientificamente.Mesmo o espaço védica baseados sistema indiano usa também um grau de mensuração de 30 idealizada do sinal. astrologia ocidental também usa um sistema sideral, através da integração 'Fixed Stars.

Esta é uma lição astrologia mega. E eu percebo que não é soundbite amigável, se você tiver compreendido essa diferença básica entre os dois sistemas astrológicos mais utilizados no mundo eu vou ser muito feliz, porque ambos são válidos, mas por razões diferentes! :)

Fonte : Zodiac Céu

Um comentário:

  1. A VERDADE SOBRE O 13º SIGNO

    Recentemente, apareceu no “mercado americano” o 13º “signo” que os astrônomos chamam de Serpentário. Na realidade, Serpentário não é um signo e sim uma constelação que está entre Escorpião e Sagitário. No meu livro CONHEÇA A ASTROLOGIA PARA MELHOR SE CONHECER publicado pela Editora Baraúna lanço uma nova teoria sobre o zodíaco como sendo o próprio campo magnético terrestre ORIGINADO na FORMAÇÃO DA TERRA e IMUTÁVEL. Logo, se existiu sua influência ela foi incorporada às de Escorpião e Sagitário, ou então ela estava fora da eclíptica (caminho do Sol).

    ResponderExcluir