>>>>>CLIQUE ABAIXO E ACHE A NOTÍCIA MAIS RECENTE >>>>>

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Afinal, o que é a dengue?
A dengue é uma doença causada por um vírus transmitido pelo mosquito
Há 4 tipos diferentes de vírus da dengue
A primeira infecção apresenta sintomas que compõem a dengue clássica, que raramente leva a complicações.
A partir da segunda infecção, aumentam os riscos de formas mais graves, como a dengue hemorrágica, que exige cuidados hospitalares.
Em caso de suspeita de dengue, procure imediatamente atendimento médico.

Mas como a dengue é transmitida?
Apenas o mosquito fêmea é transmissor
O mosquito passa a transmitir o vírus da dengue alguns dias após picar alguém infectado, podendo, a partir de então, transmitir o vírus para inúmeras outras pessoas.

Como identifico a dengue clássica?
Febre, dor de cabeça, dor muscular, náuseas, vômitos, fraqueza, dor nas juntas e nos olhos, diarréia, coceira e manchas no corpo são alguns dos sintomas.

E a dengue hemorrágica?
Pode ocorrer em até 3% dos pacientes infectados pelo vírus da dengue, sendo mais comum após uma primeira infecção.
O que a diferencia da dengue clássica é a desidratação muito severa e a tendência a sangramentos
Fique atento aos sinais de piora, que são: dor abdominal forte, pulso rápido, extremidades frias e roxas, diminuição na quantidade de urina e queda na temperatura. Nesses casos, procure um pronto-socorro com urgência

Como saber a diferença entre dengue e uma gripe comum?
Muitas vezes, é difícil a distinção, principalmente em épocas nas quais ambos os vírus estejam presentes na comunidade. Na dengue, as dores musculares e nas articulações costumam ser mais intensas (é também conhecida como "febre quebra ossos") e, muitas vezes, não se observam os sintomas respiratórios (nariz escorrendo e tosse) comumente observados em casos de gripe.

O que fazer se estiver com suspeita de dengue?
Em caso de suspeita de dengue, procure imediatamente atendimento médico.
Ingestão de líquidos e repouso são recomendados
Analgésicos à base de paracetamol podem ser utilizados para baixar a febre.
Antiinflamatórios e ácido acetil salicílico não devem ser utilizados, pois podem levar a sangramentos.

Como podemos juntos combater a dengue?
Retirar a água de vasos (colocar areia no pratinho)
Manter os baldes e garrafas com a boca virada para baixo
Não acumular lixos em local aberto
Tapar os tonéis e depósitos de água
Fechar e tampar as caixas de água
Desentupir as calhas
Retirar a água das lajes
Colocar os pneus velhos em local coberto
Colocar areia em cacos de vidro de muros


Verdades que você precisa saber sobre a dengue

APESAR DE SER UMA VIROSE, A DENGUE PODE SER GRAVE?
CERTO: A dengue é uma virose e como todas as viroses passa sozinha depois de um tempo. Porém podem ocorrer casos mais graves e até fatais. Por isso fique atento aos sintomas e sempre que tiver suspeita de dengue consulte um médico.

SE TIVER HEMORRAGIA ESTOU COM DENGUE HEMORRÁGICA?
ERRADO: A pessoa pode apresentar hemorragias mesmo na presença da dengue clássica. O único profissional qualificado para diagnosticar sua doença é o médico.

CASO TENHA TIDO DENGUE UMA VEZ, TENHO IMUNIDADE À DENGUE?
ERRADO: Mesmo que se tenha imunidade a um tipo de vírus da dengue é possível contrair a dengue por um sub tipo de vírus diferente e, desta vez, a dengue pode ser hemorrágica.


JÁ TIVE DENGUE. NÃO PREVISO MAIS ME PREOCUPAR?
ERRADO: Dengue é uma doença viral. Quem já teve dengue uma vez pode ter outras vezes. As formas graves da doença costumam aparecer em pessoas que já tiveram dengue anteriormente.

O DOENTE COM DENGUE PODE PIORAR QUANDO ESTIVER MELHORANDO?
CERTO:  Entre o 3o. e o 6o. dia, a febre começa a diminuir e a pessoa se sente melhor, mas, nos casos de dengue hemorrágica, é nesse período sem febre que ela aparece. Fique atento.

OS SINTOMAS DA GRIPE E DA DENGUE SÃO OS MESMOS?
ERRADO: Dor de cabeça, febre e mal-estar podem ser sintomas das duas doenças. Na dengue, a pessoa costuma sentir também dor atrás dos olhos. Inflamações nasais e tosse geralmente não aparecem na dengue, apenas na gripe. Na dúvida, procure auxílio médico.

QUALQUER ANALGÉSICO PODE SER USADO EM CASOS DE DENGUE?
ERRADO: AAS e antiinflamatórios não devem ser utilizados. O paracetamol, cujo medicamento referência é o TYLENOL®*, é uma opção recomendada pelo Ministério da Saúde no tratamento dos sintomas da dengue.
  
Conteúdo revisado Dr. Artur Timerman - Mestre em Infectologia pela Universidade de São Paulo. Médico do Serviço de Doenças Infecciosas do Hospital Heliópolis, São Paulo. Chefe do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Prof. Edmundo Vasconcelos CRM 28300-SP
http://www.jnjbrasil.com.br/Tylenol/dengue_combate.aspx

INFORMAÇÕES PRESTADAS POR NOSSO COLABORADOR




     DOMÊNICO
"QUE O SENHOR DO UNIVERSO A TODOS ILUMINE"

Um comentário:

  1. casadamemoriamongagua20 de fevereiro de 2011 08:56

    Um aniversário cheio de paz, amor e saúde.
    Continue sempre sendo essa pessoa maravilhosa que você é.
    Abraços
    Amigos da Casa da Memória

    ResponderExcluir